Curiosidades

OKEY Automóveis > Blog > Curiosidades

Toyota revela dados de potência do novo Corolla híbrido flex nacional

Bebendo só etanol, motor 1.8 quatro-cilindros de ciclo Atkinson renderá 3 cv a mais do que o Prius; sedã começa a ser produzido em agosto
Por Leonardo Felixaccess_time 26 jul 2019, 19h01 – Publicado em 26 jul 2019, 17h48 chat_bubble_outline more_horiz

A Toyota começa a preparar o consumidor brasileiro para a chegada do novo Corolla. Afinal, conforme antecipado por nossa reportagem, a 12ª geração do sedã será produzida em Indaiatuba (SP) a partir de agosto.

O lançamento ocorrerá em setembro, com chegada às lojas até outubro.

Até um hotsite do modelo foi criado, o que inclusive confirmou nossas apurações de que o visual seguirá o padrão do novo Corolla europeu, que QUATRO RODAS já avaliou.

Plataforma TNGA emprestada do Prius deixará o sedã mais baixo e largo
Plataforma TNGA emprestada do Prius deixará o sedã mais baixo e largo (Divulgação/Toyota)

A grande novidade estará na estreia da configuração dotada de um inédito propulsor híbrido flex, ou seja: capaz de beber gasolina ou etanol, ao mesmo tempo em que é auxiliado por um motor elétrico.

Nesta semana, o tal hotsite foi atualizado com uma informação bastante importante: os dados de potência do motor quatro-cilindros 1.8 de ciclo Atkinson que equipará o Corolla híbrido flex brasileiro.

A parte a combustão do motor híbrido flex do Corolla
A parte a combustão do motor híbrido flex do Corolla (Divulgação/Toyota)

Segundo a Toyota, a usina a combustão, em si, gerará 101 cv quando abastecida com etanol, 3 cv a mais do que o Prius rende com a mesma unidade. Assim, muito provavelmente a potência seguirá os já conhecidos 98 cv com gasolina.

Já o motor elétrico mantém os 72 cv já vistos no Prius.

Embora a potência combinada não tenha sido revelada, é possível prever que o Corolla híbrido flex chegará a 125 ou 126 cv com o combustível vegetal, sustentando os mesmos 123 cv do Prius quando abastecido com o derivado do petróleo.

Novo Corolla vem sendo flagrado quase sem camuflagem no Brasil
Novo Corolla vem sendo flagrado quase sem camuflagem no Brasil (Guilherme Barbosa/Quatro Rodas)

Também não há dados de torque, mas novamente o Prius, com seus 14,2 mkgf (combustão) e 16,6 mkgf (elétrico), serve de norte para prevermos que o dado pode se aproximar de 14,5 mkgf com etanol.

Vale lembrar que a Toyota não divulga torque combinado de seus veículos híbridos.

 

Fonte: 4 rodas.

Novo Golf estreia logotipo da Volkswagen com mudança inédita na história

Desde que o primeiro logotipo da Volkswagen foi criado, em 1937, ele mudou de forma, perdeu referências nazistas, mas sempre manteve uma característica imutável — até agora.

oitava geração do Golf será responsável por estrear a 11ª versão do círculo com o VW dentro, mas pela primeira vez, as pernas do W não encostam na borda interior do logotipo. A informação foi antecipada com exclusividade pelo site Carscoops.

Notou a mudança? Os “pés” do W agora não encostam mais no círculo

Notou a mudança? Os “pés” do W agora não encostam mais no círculo (Reprodução/Carscoops/Internet)

Pode parecer um detalhe pequeno, mas é uma mudança marcante em uma marca que é conservadora até na hora de rejuvenescer seu símbolo.

A principal mudança no logotipo aconteceu ainda durante o período de guerra

A principal mudança no logotipo aconteceu ainda durante o período de guerra (Reprodução/Internet)

A atualização de 2013, por exemplo, apenas deu um aspecto tridimensional ao logotipo, sem grandes alterações em seu formado.

A última vez que o símbolo havia mudado tanto foi justamente em sua primeira mudança, em 1939. Na ocasião as linhas que remetiam à suástica nazista foram retiradas, deixando apenas o “V” e “W” dentro de uma engrenagem.

 

Fonte: https://quatrorodas.abril.com.br/noticias/novo-golf-estreia-logotipo-da-volkswagen-com-mudanca-inedita-na-historia/?fbclid=IwAR1sOtztE1vxht9xojyZvWTnKdzAEUpvWoh-xH3ljCQwn8qI4OPj1mxkQbQ

Táxi do aeroporto de Bolonha é um Lamborghini Huracán

Carro que ajuda os aviões que pousam no aeroporto do Bolonha, na Itália, para ir para o lugar certo agora é um Lamborghini Huracán

AEROPORTO DE BOLONHACrédito: Lamborghini/Divulgação

É oficial. Bolonha, na Itália, tem o melhor sinal de boas-vindas de um viajante de todos os tempos. E ele é dado por um Lamborghini Huracán no Aeroporto Marconi di Bologna. Melhor ainda, o Lambo é um táxi que leva os aviões onde eles precisam ir.

A Lamborghini divulgou em suas mídias sociais esta semana sua mais nova obra, um carro de aeroporto Huracán RWD. Além da nota de boas-vindas, ele também tem “me siga” em inglês amplamente impresso em suas portas.

Projetado pelo Centro Stile Lamborghini, este carro guia os aviões ao redor do aeroporto antes e depois da decolagem e do pouso. É certamente fácil de seguir, como um supercarro já se destaca, mesmo antes de sua pintura quadriculada amarela.

Lamborghini, táxi e os aviões

A união dos segmentos faz sentido. Há muito tempo sabe-se que os Lamborghinis tiram inspiração de design de aviões, e a Lamborghini está localizada nos arredores de Bolonha. A empresa também já tem um espaço de exibição com um Urus e um Aventador SVJ no aeroporto.

Fonte: https://jornaldocarro.estadao.com.br/carros/taxi-aeroporto-bolonha-lamborghini-huracan/

NEED A HAND TO FIND YOUR CAR?

Contact Us
Entre em Contato